terça-feira, 18 de novembro de 2008

Ás vezes ...

.... é preciso morrer e nascer de novo
semear no pó e voltar a colher
há que ser trigo, depois ser restolho
há que penar para aprender a viver

e a vida não é existir sem mais nada
a vida não é dia sim, dia não
é feita em cada entrega alucinada
prá receber daquilo que aumenta o coração
________
in Restolho - Mafalda Veiga

2 comentários:

Pipas disse...

A Mafalda Veiga é das melhores escritoras de canções que há em Portugal, alías talvez seja mesmo a melhor...
Também sou apreciador da música dela.
Abraço

Inside me disse...

Obrigado Pipas
Uma miuda que se fez ... tocava guitarra sem saber musica...